Principais Índices: Brent: $29.54

06/05/2020 — Quarta feira

Principais Índices:
Brent: $31.47 o barril– alta de 10%
WTI: $ 26.01 o barril — alta de 10,7%
Dólar: R$ 5,6290 — alta de 0,61%
Esalq: R$ 1.445 por m³ — baixa de 0,1%

Mercado:
O Petróleo apresentou uma alta expressiva ontem. A justificativa é a expectativa positiva sobre o aumento de demanda e a melhora da curva da COVID-19 em alguns países. Além disso, o banco de investimento suíço UBS prevê uma recuperação do preço do Brent para US$ 43 no final de 2020, gerando otimismo no mercado.

Houve um aumento expressivo nos índices internacionais da gasolina: na RBob, com o preço da gasolina alcançando US$ 0,9025, e no Golfo, alcançando US$ 0,77. Isso fez com que o valor da gasolina na Petrobrás se tornasse aproximadamente R$ 0,40 inferior aos valores estrangeiros.

Com essas informações, nossa leitura e orientações por produto são:

Gasolina:
Acreditamos que a Petrobrás tenha chegado ao seu limite em relação a diferença do preço da gasolina importada. Com isso, acreditamos em forte pressão de subida de preços durante este mês, com pequenos aumentos a cada semana. O gráfico abaixo demonstra o histórico de ajustes da Petrobras em relação aos preços internacionais:

Relação preço gasolina Petrobrás vs Importada

A forte tendência de subida de preços (de forma gradual) gera um cenário propício para compras moderadas a máximas. Vale lembrar que neste cenário inédito de COVID19, há a possibilidade de intervenção do Governo, porém os fatores econômicos nunca estiveram tão fortes para o aumento.

Etanol:
O Etanol abriu hoje na faixa de R$ 1,81, ainda sob o efeito das conversas sobre aumento da CIDE. 
No caso da Petrobras não aumentar seu preço e, considerando a paridade de 60%, acreditamos na queda deste valor a curto prazo.

No entanto, se houver o aumento da gasolina nos próximos dias, o Etanol vai acompanhar e deve subir em torno de R$ 0,05 no curto prazo.
Acreditamos que a médio prazo o valor retorne a R$1,81, visto que a decisão sobre a CIDE tem sido adiada e saiu do foco nos últimos dias, teremos o efeito da PMPF de 16/05 e a acomodação dos preços no mercado.

Cenário propício para compras moderadas. Caso ocorra o aumento, sugerimos comprar somente o necessário até um novo equilíbrio do preço a médio prazo.

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!