Petróleo e dólar voltam a subir e Petrobras entra em zona de atenção

Quarta-Feira, 10 de Junho de 2020
Principais Índices


Os preços internacionais do petróleo fecharam em alta nesta terça-feira. O mercado está apostando na volta da demanda, a medida que os países flexibilizam suas políticas de isolamento social e reabrem suas economias.

Além disso, os investidores reagiram positivamente após o Departamento de Energia dos Estados Unidos (DoE) apontar perspectivas positivas para a estabilização do setor. Segundo a DoE, a produção de petróleo americana deve continuar caindo até março de 2021. O relatório aponta para uma queda superior ao crescimento do consumo, o que faz com que a commodity se valorize.

A gasolina acompanhou a crescente do petróleo. O Rbob subiu 1,28% e o Golfo, +1,27%. Combinados com a alta do dólar, em +1,63%, resultou em um aumento da disparidade entre a Petrobras e os índices internacionais. O prêmio está em -10%, com uma diferença de – R$ 0,16 centavos entre os produtos. É um cenário que começa a estar na zona de atenção da Petrobras. Caso a commodity continue subindo nos próximos dias e o dólar se estabilize, a empresa brasileira será pressionada novamente a realizar um novo aumento. Por enquanto, a probabilidade de um reajuste a curto prazo não é alta. Vamos observar os próximos dias.

Paridade Petrobras x Índices Internacionais

Em relação ao Diesel, o produto importado subiu bastante, em 4,01%. Combinado com a alta do dólar, o prêmio voltou a estar negativo, em – 4,01%. Isso representa uma diferença de – R$ 0,07 centavos entre os produtos. Assim como na gasolina, é uma zona de atenção para a Petrobras, que historicamente busca estar acima da paridade no Diesel. Vamos acompanhar os próximos dias para analisar a movimentação desta paridade, já que o mercado está muito volátil. Por enquanto, também não há uma grande pressão para um aumento a curto prazo.

Paridade Petrobras x Diesel Importado

Com as informações acima, indicamos as seguintes orientações de compra:

Derivados

Gasolina
No momento, a paridade está em uma zona de atenção para a Petrobras. Os próximos dias podem voltar a colocar a empresa sob pressão de um novo aumento. Vamos acompanhar.

Por enquanto, é um cenário para compras moderadas.

Diesel
O Diesel está em um momento similar ao da gasolina. Vamos observar a movimentação dos próximos dias para prever com mais precisão qual será a próxima ação da Petrobras.

Cenário propício para compras moderadas.

Etanol

O Etanol abriu a R$ 2,10 – R$ 2,12 hoje. É importante observar os próximos dias do mercado para identificar se haverá a possibilidade de um novo aumento da Petrobras na semana que vem.
Vale ressaltar que, apesar de estar acima dos dados de paridade históricos com a gasolina e dos níveis de estoque, as Usinas continuam pressionando um preço do Etanol acima do esperado. Como visto, a expectativa de uma leve retração não foi realizada ainda.

Cenário propício para compras moderadas.

Vale ressaltar a grande volatilidade do mercado e como o cenário pode mudar em um curto período. Mais uma vez, a leitura diária deste relatório é muito importante.

Quer fazer as melhores compras de combustível? Cadastre-se no nosso app e, além de receber esse relatório diariamente, você acessa preços de mais de 20 distribuidoras do mercado: clique em https://prontocombustiveis.online/PanoramaMercado

O Panorama Pronto é realizado pela equipe de Inteligência de Mercado do Pronto Combustíveis. Monitoramos diversos índices nacionais e internacionais bem como o mercado de distribuição de combustíveis.
São projeções e orientações baseadas nesses estudos.
Em geral, nossas previsões estão em linha com o que tem acontecido, mas vale reforçar que, como qualquer previsão econômica, não são certeza que irão acontecer.
É uma ferramenta para ajudar o mercado a programar melhor suas compras.

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!