Mercado fecha em equilíbrio e Petrobras se mantém longe dos preços internacionais

Terça-Feira, 07 de Julho de 2020
Panorama – Pronto Combustíveis – Principais Índices

Nesta segunda-feira, os preços internacionais do petróleo pouco variaram, mantendo-se em um certo equilíbrio. O mercado está dividido entre duas forças contrárias: temos uma recuperação das economias pelo mundo, com destaque nos dados positivos dos Estados Unidos e da China, que aponta para a recuperação da demanda pela commodity. Por outro lado, temos a preocupação com um novo fechamento da economia, a medida que os casos do covid-19 continuam crescendo.

Em relação a gasolina, os índices internacionais sofreram uma queda. No entanto, o dólar subiu, em + 0,78%. Com isso, não houve um grande impacto na paridade entre a Petrobras e os Índices Golfo e Rbob. O prêmio está em – 14,2%, representando um spread financeiro de R$ – 0,26 centavos entre os produtos. O cenário continua o mesmo, sinalizando uma alta da PB em breve. Vamos acompanhar o fechamento do mercado hoje, para identificar se a tendência de queda da gasolina no exterior permanece e ocasiona uma possível mudança no cenário.

Paridade Petrobras x Índices RBOB e Golfo

Em relação ao Diesel, o índice internacional variou positivamente, subindo em 0,85%. Com a alta do dólar, o prêmio entre os produtos nacional e estrangeiro se deslocou para – 7,60%, em uma diferença de – R$ 0,14 centavos. O cenário se agravou no Diesel, principalmente porque a Petrobras busca estar acima da paridade, com um prêmio positivo. Desse modo, os fatores econômicos apontam para uma nova alta da PB.

Paridade Petrobras x Diesel Importado

Considerando as informações acima, indicamos as seguintes orientações de compra:

Derivados

Gasolina
O cenário aponta para uma alta da Petrobras. Ainda não temos tanta previsibilidade da data exata, podendo acontecer no curto/médio prazo. Como não há expectativa de queda dos preços da gasolina, o ideal é manter estoques cheios, de forma a antecipar o movimento da estatal.

Dessa maneira, recomendamos a compra máxima.

Diesel
O Diesel está em um panorama similar a gasolina. Há uma expectativa de alta da PB. Além disso, também não há possibilidade de queda nos preços.

Com isso, a recomendação também é de máxima, mantendo altos níveis de estoque.

Etanol

O Etanol abriu entre R$ 2,08 e R$ 2,09 ontem. Houve negociações eventuais a R$ 2,07. No geral, o mercado teve um volume baixo de vendas. Os preços nas Usinas continuaram no mesmo patamar, limitando que as distribuidoras abaixem consideravelmente os seus preços. Estas continuam com estoques altos e precisam ativar suas vendas. Nesse sentido, o mercado abriu hoje a R$ 2,07 – R$ 2,09, em Paulínia e Guarulhos, respectivamente.

Por outro lado, existe uma expectativa de alta da Petrobras no curto/médio prazo. Dependendo do valor deste aumento, o Etanol pode alcançar um patamar a partir de R$ 2,10.

Diante do panorama acima, recomendamos a compra moderada do Etanol.

Quer fazer as melhores compras de combustível? Cadastre-se no nosso app e, além de receber esse relatório diariamente, você acessa preços de mais de 20 distribuidoras do mercado: clique em https://prontocombustiveis.online/PanoramaMercado

O Panorama Pronto é realizado pela equipe de Inteligência de Mercado do Pronto Combustíveis. Monitoramos diversos índices nacionais e internacionais bem como o mercado de distribuição de combustíveis.
São projeções e orientações baseadas nesses estudos.
Em geral, nossas previsões estão em linha com o que tem acontecido, mas vale reforçar que, como qualquer previsão econômica, não são certeza que irão acontecer.
É uma ferramenta para ajudar o mercado a programar melhor suas compras.

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!