Gasolina mantém queda no exterior e aumenta probabilidade de redução da PB.

Segunda-feira, 03 de Agosto de 2020

O Departamento de Energia dos EUA informou que a produção de petróleo recuou 10 milhões de barris por dia, melhorando o ânimo do mercado. Além disso, o índice que mede a atividade da indústria Chinesa (PMI Chinês) teve um resultado acima do esperado. Enquanto Wall Street esperava um valor de 50.7, o índice veio com 51.1, o que indica uma melhora de aproximadamente 1,1% nas vendas e produção industrial. Assim, como a China é o maior consumidor de commodities mundial, o petróleo fechou a sexta-feira em alta.

O dólar fechou em alta de 1,31% na sexta. Vale ressaltar que, essa semana teremos nova reunião do COPOM aqui no Brasil e o mercado está precificando um corte residual na taxa Selic de 25p.p. Caso realmente ocorra uma redução na taxa, o dólar terá forte tendência de alta no curto prazo.

A gasolina do Golfo continuou a tendência de queda proporcionada pela redução de circulação de pessoas nos EUA, após novos estados declararem lockdown, e caiu -1,44%. Já é o quarto dia de queda forte do derivado. Porém, com a apreciação do dólar , o spread ficou em -R$0,03, com o prêmio em -1,8%. É uma diferença que coloca a PB em situação de pressão para uma nova redução, caso o cenário persista em queda.

O diesel manteve e tendência de alta nas commodities e subiu 0,53%. Assim, o prêmio ficou em 1,60% e o spread em R$0,03 centavos. Desta forma, depois de 3 meses, o combustível se encontra em patamar onde há baixa probabilidade de uma nova alta no curto prazo. Em consequência disso, não vemos uma tendência clara de alta ou baixa.

O dia de ontem apresentou queda de -0,06% nas ofertas de Etanol pelas usinas. Mesmo com dois dias de quedas, os preços negociados refletem uma reposição de R$2,17 para as distribuidoras. Uma queda rápida nos preços é pouco provável com o patamar oferecido nas usinas.

A nova PMPF começa a vigorar hoje.

Derivados

Gasolina
A PB tem o histórico de deixar o spread entre -0,05 e -0,07 centavos, segundo a série histórica de preços da petroleira desde 2017. Desta forma, vemos que se ocorresse alguma mudança nos preços hoje, seria para baixo. O novo padrão da nova gasolina pode mudar essa tendência, porém, seguimos adotando o padrão utilizado nos últimos anos até que alguma mudança possa ser analisada.

Deste modo, recomendamos uma postura mais defensiva no momento de compra. Assim, nossa análise indica compras moderadas/mínimas como a melhor opção de gestão dos estoques, hoje.

Diesel
No Diesel, também nos aproximamos da paridade internacional. Hoje, a PB se encontra em posição de equilíbrio.

Diante da volatilidade do mercado internacional, é necessária uma postura conservadora no momento de compra. Indicamos a compra moderada para o combustível.


Etanol

Houve queda nos preços de venda nas usinas. O custo de reposição das distribuidoras ainda está em R$2,17. Mesmo com a redução da gasolina, acreditamos que o mercado não consiga seguir uma tendência de baixa rapidamente.

Porém, caso haja uma nova redução na gasolina, a tendência será de redução nos preços.

O mercado abriu hoje com valores de R$ 2,16.

Desta forma, indicamos compras moderadas para o Etanol Hidratado.

Ficou com alguma dúvida sobre esse relatório? Quer saber a melhor recomendação de compra para seu perfil de posto? Entre em contato com a gente:
Whatsapp
:  11 95130 7391.

Ou cadastre-se no nosso app e, além de receber esse relatório diariamente, você acessa preços de mais de 20 distribuidoras do mercado: clique em  https://prontocombustiveis.online/PanoramaMercado

O Panorama Pronto é realizado pela equipe de Inteligência de Mercado do Pronto Combustíveis. Monitoramos diversos índices nacionais e internacionais bem como o mercado de distribuição de combustíveis.
São projeções e orientações baseadas nesses estudos.
Em geral, nossas previsões estão em linha com o que tem acontecido, mas vale reforçar que, como qualquer previsão econômica, não são certeza que irão acontecer.
É uma ferramenta para ajudar o mercado a programar melhor suas compras.

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!