PB continua sob pressão para novo aumento nos preços.

Segunda-Feira, 21 de Setembro de 2020

Cenário

Na sexta, a Líbia anunciou a suspensão do corte na produção de petróleo pelo país por um mês e trouxe receio quanto ao aumento da oferta mundial. Porém, a notícia de que a OPEP+ colocou no calendário uma possível reunião extraordinária em Outubro, caso os mercados de petróleo e derivados não reaqueçam, continuou segurando as cotações da commodity. Deste modo, os índices fecharam com poucas modificações.

Com a divulgação do IGP-M mais alto do que o esperado, houve preocupação quanto a inflação brasileira e disparada da ponta longa dos juros. Desta forma, diante do receio fiscal com o aumento dos jutos, o dólar teve forte alta de 2,87%.

A gasolina do Golfo fechou em alta de 0,78%. O spread ficou em -R$0,30 centavos, com o prêmio de -15,6%. O spread se encontra em patamar de pressão e apresenta boa probabilidade de aumento pela PB. Hoje, as cotações da gasolina abriram em queda. Fique atento às mensagens de alerta da Pronto durante o dia!

O diesel teve leve queda, subindo 4,47%. O prêmio ficou em –6,5% e o spread e em -R$0,11 centavos. Lembrando que o combustível costuma ficar acima da paridade, o spread se encontra abaixo do equilíbrio e apresenta cenário de alta pela PB.

O etanol fechou a sexta em leve alta de 0,16%, indicando certa estabilização na alta dos preços. O valor de R$1.854,50/m³ transmite um custo, aproximadamente, de R$2,31 na base.

Análise

Gasolina
A PB tem o histórico de deixar o spread entre -R$0,05 e -R$0,07 centavos, segundo a série histórica de preços da petroleira desde 2017. Desta forma, o spread de -R$0,30 coloca muita pressão na PB para aumentar o preço da gasolina.

Porém, hoje os índices abriram com forte queda e poderão abaixar um pouco esse spread.

Como o cenário atual apresenta boa probabilidade para alta, nossa recomendação para hoje é de compras máximas.

Diesel
No Diesel, o spread também está bem abaixo da paridade. Hoje, a pressão na PB já é forte e há boa probabilidade de aumento.

Além disso, o resultado do leilão complementar 75 apresentou alta de 13,5% em comparação ao último leilão e pode impactar positivamente o preço do diesel.

Como o cenário atual é de alta, indicamos compras máximas para o diesel.

Etanol

Os preços nas usinas apresentaram forte alta e estão com o suporte de novo ajuste para cima na gasolina. Mesmo com a fraca demanda, moagem com grande produtividade e alto nível de estoques, as indústrias estão tentando igualar as paridades máximas de safras açucareiras anteriores.

Como a gasolina apresenta tendência de alta e os preços nas usinas estão aquecendo, indicamos compras máximas para o combustível.

Ficou com alguma dúvida sobre esse relatório? Quer saber a melhor recomendação de compra para seu perfil de posto? Entre em contato com a gente:
Whatsapp
:  11 95130 7391.

Ou cadastre-se no nosso app e, além de receber esse relatório diariamente, você acessa preços de mais de 20 distribuidoras do mercado: clique em  https://prontocombustiveis.online/PanoramaMercado

O Panorama Pronto é realizado pela equipe de Inteligência de Mercado do Pronto Combustíveis. Monitoramos diversos índices nacionais e internacionais bem como o mercado de distribuição de combustíveis.
São projeções e orientações baseadas nesses estudos.
Em geral, nossas previsões estão em linha com o que tem acontecido, mas vale reforçar que, como qualquer previsão econômica, não são certeza que irão acontecer.
É uma ferramenta para ajudar o mercado a programar melhor suas compras.

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!