Aumento do estoque de petróleo nos EUA deixa mercado apreensivo

Quinta-Feira, 10 de Dezembro de 2020

Cenário

Apesar de uma boa perspectiva quanto ao início da vacinação no Reino Unido e com os EUA e Canadá confirmando a eficácia da vacina da Pfizer, os índices relacionados ao petróleo permaneceram sem direção concreta. A EIA (Administração de Informação de Energia) publicou que os estoques de petróleo nos EUA subiram 15,2 milhões de barris na última semana, número extremamente superior à queda de 1,24 milhão de barris esperada pelo mercado.

O dólar apresentou apreciação de 0,96% e fechou o dia cotado em R$5,17.

A gasolina do Golfo subiu 1,59%. O spread foi para -R$0,15, com o prêmio de -8,1%. Desta forma, o spread abre maior margem e está caminhando para um cenário de alta caso os índices continuem se valorizando.

Fique atento às mensagens de alerta da Pronto durante o dia!

O diesel apresentou queda de -0,55%. Em consequência da valorização do dólar, o spread avançou para -R$0,14 com o prêmio de -6,7%. Lembrando que o diesel costuma ficar acima da paridade, o combustível ainda se encontra abaixo do equilíbrio.

O etanol apresentou leve queda de -0,19%. Os preços do álcool continuam mantendo a mesma faixa.

O açúcar equivalente variou 5,03%. O prêmio em relação ao etanol subiu para a faixa de 21%.

Análise

Gasolina
A PB tem o histórico de deixar o spread entre -R$0,05 e -R$0,07 centavos, segundo a série histórica de preços da petroleira desde 2017. Desta forma, o spread de -R$0,15 deixa a PB confortável.

Não há forte pressão de baixa e nem de alta para o combustível. O mais provável é que a Petrobras espere o mercado determinar qual direção irá seguir para as próximas semanas.

Diesel
O diesel permanece resiliente em patamares abaixo da paridade internacional. O spread do diesel mostra uma grande defasagem em relação aos preços internacionais.

Além disso, o período de estiagem no terceiro semestre do ano prejudicou as plantações de soja brasileira. Há expectativa que o próximo leilão do biodiesel renove o preço máximo e impacte o diesel.

Etanol

Não houve muita modificação nos preços do álcool nas usinas. Porém, hoje conseguimos enxergar um equilíbrio de R$2,63 em GRU. Caso alguma usina ou distribuidora precise de caixa, poderemos ver preços menores no mercado.

Provavelmente o etanol continuará nesse patamar caso não ocorra modificações na gasolina. A paridade do hidratado com a gasolina nos postos está em 72% e dificilmente irá aumentar devido a baixa demanda. Por outro lado, o açúcar ainda está com o prêmio significativo em relação ao etanol e manterá as usinas firmes nas ofertas.

Ficou com alguma dúvida sobre esse relatório? Quer saber a melhor recomendação de compra para seu perfil de posto? Entre em contato com a gente:
Whatsapp
:  11 95130 7391.

Ou cadastre-se no nosso app e, além de receber esse relatório diariamente, você acessa preços de mais de 20 distribuidoras do mercado: clique em  https://prontocombustiveis.online/PanoramaMercado

O Panorama Pronto é realizado pela equipe de Inteligência de Mercado do Pronto Combustíveis. Monitoramos diversos índices nacionais e internacionais bem como o mercado de distribuição de combustíveis.
São projeções e orientações baseadas nesses estudos.
Em geral, nossas previsões estão em linha com o que tem acontecido, mas vale reforçar que, como qualquer previsão econômica, não são certeza que irão acontecer.
É uma ferramenta para ajudar o mercado a programar melhor suas compras.

Deixe uma resposta

error: Content is protected !!